simplicidade acolhedora - santuário de Nossa Senhora de La Salette

Localizado no sul da França, na região dos Alpes, o santuário de Nossa Senhora de La Salette conta a história da aparição da Virgem Maria na montanha de La Salette, departamento de Isère.


Estátua de Nossa Senhora de La Salette com Maximin Giraud e Mélanie Calvat

a aparição


No dia 19 de setembro de 1846, Nossa Senhora apareceu a duas crianças: Maximin Giraud, com 11 anos de idade, e Mélanie Calvat, com 15 anos, as duas simples e humildes.


Estátua da Virgem Maria que chora ao lado da basílica

Por volta das três da tarde, enquanto esperavam a hora de voltarem para casa, as crianças viram, de repente, uma forte luz e uma bela senhora chorando sentada numa pedra cobrindo o rosto com as mãos. Era de estatura alta e estava vestida como as senhoras da região. Vestido longo, um grande avental, lenço cruzado e amarrado às costas e touca de camponesa. Tinha rosas que coroavam a cabeça, ornavam seu lenço e enfeitavam seu calçado. Sobre o peito, uma corrente grande prendia o crucifixo iluminado, com um martelo de um lado, e de outro uma torquês (alicate).


A “Belle Dame" se voltou aos pequeninos em pranto e disse: “Vinde, meus filhos, não tenhais medo, aqui estou para vos contar uma grande novidade!”. E continuou: “Se Meu povo não quer submeter-se, sou forçada a deixar cair o braço de Meu Filho. É tão forte e tão pesado que não o posso mais suster. Há quanto tempo sofro por vós!”