como arrumar a mala de frio

Atualizado: 11 de nov. de 2021

Arrumar a mala de inverno é um dilema para quase todo mundo e exagerar nela é muito fácil.


É importante se vestir adequadamente no inverno, mas deve haver um cuidado para não exagerar a ponto de suar e ficar molhado dentro de uma imensidão de roupas. O suor deixa seu corpo úmido e muito mais frio, podendo pegar um resfriado ou hipotermia.


Então para quem vai viajar para destinos com invernos frios, aqui vão algumas dicas valiosas para montar a mala de frio.


vista-se em camadas


O maior segredo das roupas de frio são as camadas. Se você usar as camadas corretas de modo inteligente, o dia vai ser com conforto, sem frio, sem roupas pesadas e que diminuem os movimentos.


A decisão mais acertada é usar três camadas: uma camada de drenagem interior, uma camada de isolamento térmico e uma camada protetora.


camada de drenagem interior


Essa camada é composta pela sua roupa íntima e pelo que chamamos de “roupa segunda pele”. Essa camada fica em contato direto com a sua pele e deve, necessariamente, ser composta por tecido térmico com grande capacidade de drenar umidade da sua pele, isolando essa umidade do contato com o corpo. A escolha de um bom conjunto de roupas de frio começa já por aqui.


camada de isolamento térmico


Essa camada será a responsável por manter você quente, isolando seu corpo da atmosfera e impedindo que ele perca calor. Os materiais dessas roupas de frio são compostos de fibras que prendem ar entre si, criando uma barreira que impeça o calor de sair e o frio de entrar. Aqui, é importante procurar materiais como lã, que além de um excelente isolante também tem características naturais de drenagem ou, na família dos tecidos sintéticos, o “velo” ou “fleece”, em inglês.


camada protetora


Essa é a camada exterior, geralmente composta por um agasalho mais poderoso, preferencialmente que cubra seu corpo do pescoço até os joelhos; e calças. A função dessa camada é proteger você do vento e da umidade externa (neve, chuva, garoa e afins), ao mesmo tempo, impedir de expulsar o suor expelido pelas duas camadas internas.


confira o tipo de frio


Pode parecer meio estranho, mas mesmo dentro da estação fria, há diferentes tipos de invernos que influenciam na montagem da mala.


Então, pesquise direitinho a época e o tipo de inverno que estará enfrentando. Há inverno úmido e seco, há inverno com temperatura constante abaixo de zero, mas há inverno que durante o dia a temperatura fica mais amena.

Além disso, o inverno apresenta diferentes características dependendo da cidade. Em algumas é bastante úmido e chove bastante, como Londres. Em outras, o clima é mais seco com ventos cortantes, como Lisboa. Já em alguns locais, a neve é constante em toda a estação fria. Com isso, a roupa escolhida para cada um desses lugares não dá pra ser a mesma.


Para os locais mais úmidos (com chuva e neve), você deve optar por roupas resistentes à umidade ou impermeáveis. Quando o vento é intenso, dê preferência a roupas corta vento. O material das peças faz toda a diferença.


Lembrando que a temperatura influencia no estado físico da água. Ela pode ser líquida e molhar seu casaco ou pode ser gelo e congelar seus ossos.


use e abuse dos acessórios


Acessórios como cachecóis, luvas e gorros são essenciais pra se proteger do frio.


O corpo perde muito calor pelas extremidades e, portanto, é real aquela sensação de que se seus pés ou mãos estão frios, o resto provavelmente estará sentindo frio também.


Além disso, geralmente viajamos com poucos casacos pesados e, mudando os acessórios, mudamos também o look.


acerte no calçado


Não subestime os pés, principalmente se você for viajar para um lugar que pode nevar. O chão fica úmido e essa umidade, se você não escolher a sola correta do sapato, passa toda pros pés.


Aqui no Brasil não temos frio assim e, consequentemente, a maioria das botas que compramos tem sola de couro, ou finas, que passam essa umidade.


Quando você for comprar um sapato pensando em viajar pro frio, opte por botas com sola de borracha e mais grossinhas, pois serão bem mais confortáveis.


Você precisa ver se vai para um lugar que neva muito, que exija um sapato específico pra isso, com lã por dentro ou não; se você vai fazer caminhadas e precisa de um sapato de cano alto pra não torcer o pé, etc. E, de preferência, sempre acompanhados com meias grossas e térmicas para ajudar a esquentar os pés.



Gostou das nossas dicas? Fale com a gente e comece a planejar a sua próxima viagem agora mesmo!