3 passos para organizar financeiramente a sua viagem

Atualizado: Jul 13

Olá, meu nome é Sara, sou analista financeira aqui na Memorial e hoje vou explicar um pouco para vocês como eu me planejo financeiramente para as minhas viagens.


Quando vamos planejar uma viagem diversas perguntas surgem, mas a pergunta que tem o maior peso é: “Quanto vai custar?”. Planejar financeiramente uma viagem pode não ser algo fácil, ainda mais em tempo de crise, não é verdade? Aproveite esse tempo para pesquisar mais e entender sobre o assunto, porque com organização e foco tudo fica mais fácil.

Para iniciar seu planejamento financeiro, primeiro liste os lugares que você ou seus amigos gostariam de conhecer. O segundo passo é selecionar os principais pontos turísticos, passeios e restaurantes de cada um desses lugares, para que você e seus amigos tenham uma ideia da experiência que cada local pode trazer e depois disso decidir o destino. Uma boa estratégia é pedir dicas para pessoas que já estiveram nesses lugares e olhar as avaliações na internet.

Bom, com o destino escolhido, fica mais fácil prever o valor da viagem e é aí que entra o próximo passo: definir o orçamento da viagem, ou seja, quanto custará a viagem. Quando você viaja sozinho acaba sendo mais fácil o planejamento, mas se você quer viajar com os amigos, às vezes vale a pena abrir mão de algum passeio ou restaurante, para que a viagem saia do papel. Uma dica que eu dou é procurar alternativas de transporte e estadia que tornem a viagem mais barata.


Depois de ter tudo isso definido, nós pensamos: “Onde vou conseguir todo esse dinheiro?” e é nesse momento que muitos de nós desistimos dos nossos sonhos e continuamos nossa vida. Para ajudar você e seus amigos a não desistirem da viagem dos sonhos elaborei três passos essenciais que te ajudarão a fazer um bom planejamento financeiro, seja para uma viagem sozinho (a), com a família ou com os amigos:

1º passo: O primeiro passo é simples, você deve conhecer o valor da sua renda total (salários, bonificações, mesadas, etc.) e de suas despesas (cartão de crédito, despesas pessoais, faculdade, etc.). Criar uma planilha com essas informações te ajudará a enxergar onde você está gastando mais e quanto da sua renda está comprometido para pagar suas despesas;

2º passo: Olhe criticamente para suas finanças e tente responder as seguintes perguntas: “Onde posso gastar menos?” e “Como posso aumentar a minha renda?”. De modo geral, veja onde é possível diminuir ou cortar gastos e encontre alternativas para aumentar sua poupança para a viagem. Em 2011, quando fui à Jornada Mundial da Juventude em Madrid, eu vendia bolos e pães para os meus vizinhos para conseguir um dinheiro extra. Se você for viajar com os amigos fazer algo para vender é uma ótima opção para ajudar o grupo e estreitar ainda mais os laços de amizade. A dica é usar seu talento e de seus amigos para juntar um dinheiro extra para a viagem.


3º passo: Depois de olhar para suas finanças e ver o que você pode fazer para diminuir suas despesas e/ou aumentar sua renda, é hora de fazer um planejamento financeiro mensal. Como? Para isso eu utilizo uma planilha simples onde eu coloco o valor da minha renda mês a mês e de minhas despesas e estabeleço um valor mínimo para guardar todos os meses, que será destinado para a minha viagem. Esse valor mínimo dependerá do tempo que terei disponível para guardar o dinheiro da viagem. Uma dica que eu dou é guardar seu dinheiro em contas que oferecem algum tipo de rendimento.


Portanto, busque conhecer diferentes formas de pagamento que as empresas podem te oferecer, chore descontos e trabalhe com uma empresa que você confie. Nós da Memorial somos experts em viagens de grupos e estamos aqui para te ajudar. A gente faz para você.

<